8 de junho de 2015

Como usar salto agulha

O salto agulha é famoso entre as mulheres e não há uma antenada em moda que não tenha, ou pelo menos já tenha tido, um salto agulha no guarda-roupa. Tudo bem, as menos fãs de salto alto podem dizer que não, mas pelo menos já pensaram em ter alguma vez. Mas qual será o motivo encontrado por muitas mulheres pra desistirem de comprar este modelo? É o famoso dilema: como usar salto agulha?

Que o salto agulha deixa um ar sensual e poderoso no público feminino, ninguém pode negar, porém, este antigo dilema não está relacionado somente à questão de onde usar salto agulha ou com que roupa o salto agulha combinamais, mas também ao fato de como andar de salto agulha.

Quem não é fã de salto, mas acha bonito o salto agulha, pode desanimar na hora de comprar, já que enquanto está experimentando o modelo na loja, não consegue se equilibrar muito bem e prefere evitar desastres futuros.

A boa notícia é que você não faz parte de um grupo pequeno de mulheres que amam (ou pelo menos gostam) do salto agulha, mas não usam por falta de jeitinho (jeitinho na hora de andar, jeitinho na hora de combinar, jeitinho na hora de escolher…). Você não está sozinha!

E para ajudar a diminuir este grupo de mulheres que gostam do salto agulha, mas não compram ou não tiram do guarda-roupa por medo de usar, veja algumas dicas para fazer deste tipo de salto um de seus melhores amigos.

Dicas para andar de salto agulha

Quando o assunto é salto agulha, talvez a maior dificuldade nem seja como combiná-lo ou quando usá-lo, já que ele é muito charmoso e versátil, apropriado para diversas ocasiões e produções. O maior problema quando se fala no stiletto heel é como andar com ele de forma correta, sem desequilíbrio, tropeços ou dor no pé.

Para começar, você deve se perguntar: eu consigo andar corretamente de salto agulha? Isso porque muitas mulheres, ao andar com o calçado, dobram o joelho, se desequilibram e tropeçam pelo caminho. São dois erros: o joelho dobrado indica falta de postura e não proporciona aquele charme do salto agulha, além de fazer mal à coluna; e o outro é o perigo de cair e se machucar, além de ficar envergonhada caindo no meio da rua ou até em uma festa especial. Mas e agora, o que faço?

1. Devagar e sempre

Aquele velho ditado popular que diz que devagar e sempre se chega lá vale para o salto agulha. Isso significa que você deve começar com um salto menor e ir evoluindo até chegar àquele mega salto de 15 cm que você tanto sonha em usar.

Outro detalhe importante é respeitar as suas individualidades e características do corpo quando quiser usar o seu salto agulha.

Você deve estar pensando: mas existem modelos de sapatos com salto agulha baixo que sejam bonitos? Claro! Dá uma olhada nesse scarpin Schutz:

scarpin-shutz

2. Use boas marcas

Nada pior do que enroscar o salto na calçada e ele quebrar no meio do caminho para uma festa badalada, não é mesmo? Além de você se atrasar para o evento, corre o risco de se machucar (leve ou gravemente!) e ficar em uma situação embaraçosa. E é claro, nada mais chato do que investir seu dinheiro em um sapato que estraga tão facilmente.

Na hora de escolher o seu salto agulha, prefira marcas confiáveis como as que temos aqui na Anita, já que como é um salto fino e, na maioria das vezes, alto, pode ser frágil se optar por marcas que não invistam na qualidade e não utilizem um material muito resistente na fabricação do calçado.

3. Use olhando para frente e para onde vai pisar

Para não tropeçar, a melhor forma de manter o equilíbrio e evitar acidentes com o seu salto agulha é prestar atenção em onde vai pisar e olhar para frente. Tudo bem, realmente não é fácil olhar para os dois lugares mantendo a famosa postura de modelo; mas é a melhor forma de garantir que você não vá pisar em um local que não deve e se desequilibre, ao mesmo tempo em que mantém a sua postura de mulher poderosa.

4. Escolha sempre sapatos confortáveis

Não acredite mais no velho mito de que “para mulher ficar bonita tem que sofrer”! Antigamente, não havia tantas opções de sapatos bonitos e confortáveis, mas, hoje em dia, é possível unir o útil ao agradável comprando sapatos confortáveis e belíssimos. Todas as grifes confiáveis investem nisso.

Na hora de escolher o seu salto agulha, além de optar por uma boa marca, escolha um modelo que seja confortável e se ajuste bem ao seu pé. Como estes saltos já são bem altos, é importante garantir o conforto e a saúde dos pés. Você deve se sentir segura ao calçá-lo. Uma dica é escolher aqueles modelos que vem com meia-pata, auxiliando no conforto. Dá uma olhada nesse peep toe Parô Brasil com salto uma meia pata incrível:

peep-toe-paro-brasil

Com um sapato bem ajustado ao seu pé e confortável, as chances de você se sentir segura, bem equilibrada e andar de maneira adequada são enormes, além disso, quem cansa os pés se sentindo tão bem?

5. Treine em casa

Isso mesmo. Quem nunca usou a velha técnica de ficar andando com o sapato novo pela casa? Assim, você se acostuma com o calçado e descobre a postura e o jeitinho certo de andar com ele.

Caminhe em casa com o modelo até se sentir segura o suficiente para sair na rua com ele. Você pode até tentar alguns obstáculos, como a grama, escadas… A escolha é sua.

Como combinar salto agulha

A boa notícia é que o salto agulha é muito versátil e está presente em vários estilos de sapatos. Scarpin, sandália, botas, ankle boots, peep-toe… Todos podem ter o salto! Com tanta variedade, é importante levar em conta o modelo que mais combina com você, com a ocasião, com seu gosto, com seu look…

Pronto, você já fez isso. Agora, siga algumas dicas simples para desfilar de salto agulha sem fazer feio.

Para começar, vamos desmitificar outra história: salto agulha é só para festas formais, como casamento, formatura, etc.? Não! O stiletto heel é muito adaptável e fácil de combinar, principalmente pela quantidade de modelos de sapatos que oferecem o salto.

Ao combinar salto agulha, é importante usar o bom senso, atentar-se a ocasião, à roupa e até ao tamanho do salto. Por exemplo, ele fica ótimo em uma festa de gala com um vestido lindo e formal, com um look casual chic, ou com uma saia longa, mas não combina muito com uma roupa esporte que você vai usar para caminhar no calçadão, não é mesmo?

É importante ter certeza que de a presença do salto agulha no visual não vai deixá-lo over. Ele, por si só, já chama bastante a atenção, e se usado de dia, com uma roupa decotada e curta, pode ficar vulgar – de dia! se for à noite, é permitido ousar mais -. Prefira usar os saltos agulha altíssimo em ocasiões mais sofisticadas, como no dia-a-dia em ambientes refinados, festas, baladas, jantar romântico… Para ambientes casuais, prefira os mais baixos.

Existem muitas peças que combinam com o salto agulha, além do clássico vestido de festa. Roupas sociais, vestidos casuais, calças jeans, de couro ou estampada, saias longas, longuetes ou mini e até com shorts, pois com uma boa blusa e os acessórios certos o visual pode ficar bem elegante. Se tiver que andar muito, prefira não usá-lo ou escolha um modelo mais baixo, mesmo que já esteja acostumada. Se usados em longas caminhadas, o salto agulha pode ficar desconfortável, cansar os pés e machuca-los.

Você consegue andar de salto agulha, ama seu poder e usa-o sem medo de errar na combinação? Tem alguma dica preciosa? Ou aprendeu o que faltava com este artigo e já está pronta pra sair por aí arrasando com um modelo? Siga nossas dicas para usar alto agulha e arrase!

 

Compartilhe nas redes:

calçados mais vendidos

Receba novidades, ofertas e dicas de tendências