13 de novembro de 2017

Tudo que precisa saber sobre salto alto

Peça desejada por quase todas as mulheres, o salto alto está associado a beleza, sensualidade, elegância e porque não dizer, poder. A história deles é antiga, de 3.500 anos antes de Cristo, quando murais do antigo Egito já traziam pinturas revelando que parte da civilização já fazia uso de salto.

Naquela época os nobres usavam para parecerem mais altos e poderosos, como também para se diferenciarem dos trabalhadores. Açougueiros e prostitutas da época também usavam, os primeiros para se locomoverem entre o piso sujo de sangue.

Idade Média – Acredita-se que foi nessa época que foi criado o solado de madeira, o precursor do salto alto.

Modelos

Todas nós amamos sapatos mas nem sempre sabemos diferenciá-los pelos modelos e nomes. Quem nunca confundiu o Chanel com o scarpin ou mule, por exemplo?! Abaixo explicamos as diferenças e características de cada salto alto para você identificar qual mais te agrada e não errar na hora da compra.

Mule

Uma mistura de tamanco com scarpin, o mule é fechado na frente e aberto no calcanhar. Normalmente seu bico é fino e seu salto é mediano, cerca de 5 centímetros. Vai bem com qualquer peça porém deve ser evitado se a ocasião é formal por ser mais casual e despojado.

 

Mary Jane

O sapatinho de boneca tem a ponta arredondada, salto médio (as vezes pode ser alto) e uma pequena tira presa por uma fivela. Sapato muito confortável e super indicado para quem gosta de dançar e para quem passa horas no salto.

Scarpin

O scarpin é o coringa de qualquer guarda-roupa, ele é como uma peça obrigatória para qualquer mulher, principalmente os das cores clássicas como preto ou nude. Ele é fechado da frente dos pés até o calcanhar deixando só o peito do pé de fora. A ponta pode ser de bico fino, arredondado ou quadrado, porém o mais comum e mais clássico é o de bico fino. Vai desde o saltinho, de 4 centímetros podendo chegar até uns 10 centímetros também.

Chanel

Bem parecido com Scarpin ele é aberto no calcanhar e tem uma tira que passa sobre o tornozelo. O modelo foi elaborado pela estilista francesa Coco Chanel e por isso leva esse nome.

Como usar

Se tem uma coisa que todos especialistas e ortopedistas concordam é que a maneira correta de usar é com moderação. O salto alto pode sim trazer alguns riscos a nossa saúde mas nem por isso eles estão proibidos do nosso guarda roupa. Siga as dicas abaixo e seja feliz nas alturas!

-Evite de usar salto alto em dias que irá andar longas distâncias ou ficar muito tempo em pé.

– Se for usar salto alto por mais de três dias na semana, opte por salto  médio, ou os quadrados, que ofereçam mais conforto

– Ainda falando da duração, se possível não permaneça com o salto alto por mais do que quatro horas seguidas.

calçados mais vendidos

Receba novidades, ofertas e dicas de tendências